Compartilhar Inscreva-se

Edge Computing e o seu papel na tecnologia

Edge Computing e o seu papel na tecnologia

Provavelmente, você já ouviu falar sobre Edge Computing e a importância do mesmo para avanços tecnológicos. De fato, tem um papel fundamental em várias áreas, te convido a continuar lendo este conteúdo e ficar por dentro do assunto. A seguir, serão destacados os tópicos: “Origem da Edge Computing” e “O seu papel dentro da área de tecnologia”.

ORIGEM DA EDGE COMPUTING

Primeiramente, vamos abordar alguns significados do termo “Edge Computing“, e a sua definição tanto literal, quanto no segmento da tecnologia.

Segundo o Portal Positivo Tecnologia, “Edge Computing é um termo de origem inglesa cuja tradução quer dizer “computação na extremidade”. Na realidade, é um sistema de processamento de dados rápido e eficiente. Está relacionado com a Internet das Coisas (IoT), tendo em vista que, a cada dia, surgem novos dispositivos conectados.” 

Para o Portal Iberdrola, “A Edge Computing, ou computação de borda, é um novo paradigma de computação onde os dados da IoT são processados na periferia da rede (cloud edge), ou seja, na própria fonte onde são gerados ou o mais próximo possível da mesma.” 

Red Hat acrescenta que, “O processamento acontece no local físico (ou próximo) do usuário ou da fonte de dados. Com o processamento mais próximo, os usuários se beneficiam de serviços mais rápidos e confiáveis, enquanto as empresas usufruem da flexibilidade da Cloud Computing híbrida. A Edge Computing é uma das formas como uma empresa pode usar e distribuir um pool de recursos por um grande número de locais.”

“Edge tem a ver com os dispositivos “reais” que estão conectados à internet e com o avanço necessário para que processamentos de dados e análises cada vez mais complexas sejam realizadas próximo a eles.” (ROCK CONTENT)

Todos os significados partem da mesma base e vão para o mesmo lugar, ou seja, Edge Computing começou a ser possível a partir da internet das coisas (IoT) e o objetivo final é simplificar, ter serviços e tecnologias mais rápidas, onde tanto empresas como pessoas possam se beneficiar.

Com base nestes dados, é possível afirmar que, com o processamento mais próximo, os usuários fazem proveito de serviços mais rápidos e confiáveis, enquanto as empresas usufruem da flexibilidade da Cloud Computing Híbrida. 

“A ideia é que, cada vez mais, o mundo físico e o digital se tornem um só, através de dispositivos que se comuniquem com os Data Centers e suas nuvens.” (TECH TUDO)

O PAPEL DA EDGE COMPUTING NA ÁREA DA TECNOLOGIA 

Quer levar os sistemas e aplicações da sua empresa para a nuvem sem complicações?
Otimizamos sua infraestrutura através de soluções robustas e totalmente aprimoradas para facilitar a sua vida. Converse com nossos especialistas em soluções em cloud!

Os autores e portais que vimos no tópico anterior, destacaram muito bem alguns pontos que podemos reforçar aqui, os quais são: a Edge Computing possibilita a geração de soluções mais rápidas tanto para usuários quanto empresas e o outro objetivo é que a Edge Computing tire a concentração dos dados da nuvem e os leve para as margens da rede.

“Atualmente, as empresas de tecnologia já estão pensando na possibilidade de criar produtos que tenham maior poder de processamento ou ainda disponibilizar servidores intermediários que cuidarão do processamento dos dados, enviando para a nuvem somente as informações mais relevantes.” (POSITIVO TECNOLOGIA)

O portal Positivo Tecnologia aponta ainda que, “no cenário corporativo, existe a necessidade de sistemas rápidos e disponíveis, visto que os colaboradores ficam impacientes ou irritados quando há lentidão e demora na busca de respostas. A agilidade depende do processamento e do armazenamento centralizado em uma nuvem.”

Tendo em vista isso, apresenta-se uma oportunidade para novas tecnologias que utilizam da base Edge, incorporando novas inovações e mais agilidade para as demandas da sociedade.

O portal Iberdrola apresenta três itens que futuramente a Edge Computing vai estar presente: 

  • Diversificação: nos próximos anos, conforme o número de dispositivos IoT cresça exponencialmente, a Edge Computing será cada vez mais relevante como estratégia para evitar a saturação do sistema.
  • Cibersegurança: como as informações estão diversificadas em múltiplos dispositivos, haverá menos dados nos ambientes cloud, portanto, se algum ambiente for atacado, o dano será mínimo.
  • Velocidade: como os dados são processados em seu lugar de origem, a instantaneidade da resposta possibilita a existência de ferramentas como veículos autônomos ou dispositivos de saúde para emergências.

Dessa forma, a Edge Computing completa a Cloud Computing, melhorando a utilidade dos dispositivos e enviando também dados à nuvem para realizar análises profundas e implementar avanços. 

Abaixo encontra-se a imagem de como a Edge Computing se comporta: 

Imagem retirada do portal: IBERDROLA
Imagem retirada do portal: IBERDROLA

O que você acha sobre a Edge Computing? Certamente, ela tem e terá ainda mais um impacto sobre toda sociedade e implicará em como nós vivemos. A sua empresa está pronta para essa nova era da tecnologia? Vem tomar um café conosco e saber o que podemos fazer pela sua empresa.

 

Leia também:  Qual é a relação entre Cloud Computing e a gestão de TI

 

Compartilhe
Optidata

Optidata

Este site usa cookies para melhorar e personalizar sua experiência com nossos conteúdos e anúncios. Ao navegar, você autoriza a Optidata a coletar tais informações e utilizá-las para estas finalidades. Em caso de dúvidas, acesse nossa Política de cookies.